/Death

04/04/2010 20 Lembretes .
"A vida é uma droga, e depois você morre. É, tivesse eu essa sorte." - Amanheçer.

Morte, como se definiria essa unica palavra; alguns tem medo só de ouvi-lá, outros encaram com sarcasmo, e muitos outros com tristeza. A morte para muitos soa como uma palavra fria, um caminho longo de magoas e dores; para outros é apenas o fim de tudo um "descanso", a vida eterna, um novo paraíso ou um novo inferno seja a pessoa como levou sua vida.
Você leva a vida inteira, uma vida para tentar descrever essa palavra muitos só vivem por elas. Já ouvi pessoas clamando de dores e pedindo para morrer, já ouvi pessoas reclamando da vida e falando que a morte deveria ser bem melhor, já ouvi também pessoas pedindo para não morrer! O que se entende por isso? Insatisfação com o próprio caminho? Mais a certeza é que a morte é o fim de tudo, mais há também os que acreditam em reencarnação; então esse não seria o fim?



Familia e morte, é o termo mais adequado para dor; como uma familia lida com a perda de alguém tão precioso, alguém que fará falta ao amanhecer com aquele beijo de bom dia, um alguém que fará falta ao anoitecer quando você o abraçava no calor da noite e descansava . Um alguém que perdeu um amor, e passa a vida inteira com o sonho de reencontra-lo para dizer apenas algumas palavras, como desculpas e lamentações, ou aqueles que ousam perguntar como anda depois de tudo.
A verdade que não há palavras de conforto para quem perdeu alguém, nem um mesmo meus pêsames poderia ajudar.

Mais a vida é tão injusta, ou justa que faz da morte muitas vezes momentânea; aquela que vai passar e que será menos dolorosa, aquela que vai trazer a pessoa desiludida um novo amor, a um amigo outros amigos. Seria a morte ou a vida injusta? Ou seria mais que justo a vida trazer mais experiências?
É um tema difícil mais reflexivo, é difícil definir a morte seja ela dolorosa ou passiva; ela sempre será           a morte.




20 Lembretes .:

  • ShadowMoon disse...

    Pois é, há 2 semanas sofri com 2 perdas com relação a isso. É complicado. =X
    De qualquer modo, esse é um assunto que prefiro até evitar de comentar. É chato ficar lembrando acontecimentos.
    No fim das contas, a morte é a única certeza da vida, infelizmente.

  • Heterogenia disse...

    A mort é realemte algo dificil de se explicar, talvez até impossivel. Para nós que ficamos é dolorido, talvez para quem vai seja a melhor coisa. vai entender né.

    Amei seu blog, to seguindo ok.

    Beijoos.

  • Wesley Venâncio disse...

    Esse assunto é meio que um enigma, só quem morreu poderia dizer.
    Sinceramente eu queria morrer. Primiero porque tenho curiosidade e segundo porque tenho ódio da vida.

    Dizem que morrer é fácil, o difícil é viver.

  • Lua * disse...

    "Um novo paraíso ou um novo inferno seja a pessoa como levou sua vida." Disse tudo!
    Esse texto me arrepiou, e me identifiquei pois tenho o mesmo conceito sobre a morte. Genial! Você escreve bem demais guria *-* e obrigada pelo comentario no meu blog. Adorei o teu,já estou seguindo e voltarei aqui com certeza! Beijão linda

  • César disse...

    Acho a morte a solução pros nosso problemas mais barata que existe...só requer um ponto de coragem.
    Legal seu blog...falar sobre a morte não é pra qualquer um.
    Estou t seguindo.

  • Nathy Swan Pattz disse...

    bom você fez muito melgor do que eu, que não sei explicar a morte! é um tema muito tenso, e minha família jah sofreu com tantas, que nem sei :$
    amei teu blog, depois passa no meu, que tem um presentinho pra ti!
    beijoos ;*

  • Data Clipe! por Conrado Cooper disse...

    eu opto por não pensar muito na morte, claro que todos temos medo que ela chegue antes da hora e atrapalhe nossos planos, deus me livre. uma pessoa que pede para morrer não quer realmente morrer, a probabilidade de ela estar sofrendo tanto que esta fora de si é grande! esse texto é muito reflexivo, tenho mais opniões, mas vou deixar pra proxima senao o comentario vai virar post, rs

  • Julio... disse...

    Caraks...
    faz tempo q ue eu não leio algo q realmente mehe cmgo!
    PArabéns pelo texto!
    Gostei mto!
    To penssando cmo definir a morte agora...
    rsss

    bjos
    ate o proximo post!

  • Roberto Sena disse...

    Olá querida! Meu nome é Roberto Sena, atualmente moro em Madrid, na Espanha. Escrevo sobre moda para algumas publicaçoes brasileiras e espanholas, além de estar presente como correspondente de moda. Quero lhe convidar para participar da promoção “Life Behavior te veste de H&M”? Visite o www.lifebehavior.blogspot.com . Desculpe pelo incomodo!

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Eterno Efêmero